Cairu: Prefeitura lança Plano de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos


A Prefeitura de Cairu, no Baixo Sul, fez uma reflexão, neste sábado (5), Dia Mundial do Meio Ambiente, sobre os avanços nas tratativas da gestão do Prefeito Hildécio Meireles em acabar com o descarte irregular e com os lixões do arquipélago. Segundo a prefeitura, o Prefeito Hildécio Meirelles determinou um estudo técnico e, de posse destas informações, determinou que fossem criadas pelo menos 7 medidas para a eliminação dos lixões a céu aberto.


No último dia 6 de abril, o prefeito convocou uma reunião envolvendo as secretarias de Governo, Infraestrutura e Meio Ambiente, além da Procuradoria Geral e Gabinete, para avaliar e definir o projeto que visa a implementação do Plano Municipal de Gerenciamento Integrado de Resíduos Sólidos (PGIRS) tendo por objetivo erradicar os lixões nas ilhas de Tinharé e Boipeba.

Prefeito Hildécio Meireles determinou medidas para a eliminação de lixões a céu aberto


Na ocasião, ficou definida a data de 5 de junho, para iniciar a campanha de conscientização ambiental e os novos roteiros de coleta seletiva. “Podemos considerar que estamos vivendo um marco na sustentabilidade em Cairu. Aprovamos o projeto para encerramento dos lixões a céu aberto em todo arquipélago e autorizamos a sua execução. Em alguns dias daremos início à educação ambiental para, em seguida, iniciarmos toda operação”, disse o prefeito.


Dentre as ações propostas, estão o programa de educação ambiental, a implantação de coleta seletiva, o fomento para formalização de catadores de materiais recicláveis biodegradáveis, a criação de incentivos das cadeias produtivas, a implantação das unidades da valorização sustentável, a destinação adequada dos rejeitos, e a implantação de um aterro sanitário.


Com essa atitude, Cairu planeja cumprir o novo Marco Regulatório do Saneamento que prevê para municípios com população inferior a 50 mil habitantes, o prazo de erradicação dos lixões até 2 de agosto de 2024.


Medidas:

1 - Programa de educação, divulgação e sensibilidade ambiental.

2 - Implantação de coleta seletiva porta a porta.

3 - Fomento para formalização de cooperativas de catadores de materiais recicláveis e biodegradáveis.

4 - Incentivo e apoio às iniciativas locais da cadeia produtiva do lixo.

5 - Implantação das unidades de valorização sustentável de resíduos sólidos, de triagem e compostagem nas ilhas de Tinharé, Boipeba e Cairu.

6- Destinação adequada dos rejeitos das ilhas de Tinharé, Boipeba e Cairu.

7 - Implantação de aterro sanitário em Cairu, atendendo as normas técnicas de segurança com tecnologias de manejo e operação para disposição final sustentável.



Fonte/fotos: Ascom PMCairu

Por Vanessa Andrade - V1 Comunicação

BANNER WEB - 728x90px - ESTADO SOLIDARIO.png
001.jpg
Posts Em Destaque
213273523_209526754388278_45482012108582523_n.jpg
67484017_2357855327663661_331651640815779840_n.jpg
Procurar por Tags
Siga!
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social