Mais 60 câmeras serão instaladas e conectadas ao Cicom do Baixo Sul pela SSP Bahia


Na Bahia, o que em um passado não muito distante era ficção científica, hoje já é realidade. Os investimentos do governo estão transformando o estado em um modelo do uso de tecnologia. A implantação dos Centros Integrados de Comunicação (Cicoms), que reúnem todos os órgãos da Segurança Pública, facilitou o atendimento às situações de emergência. Cidades passaram a ser monitoradas por câmeras, integradas aos Cicoms. Agora, a tecnologia de automação do reconhecimento facial de criminosos, de placas de carros e de situações suspeitas está sendo levado para o interior do estado. E o Baixo Sul está incluído nesses investimentos.


Segundo o superintendente de Telecomunicações da Secretaria da Segurança Pública (SSP), tenente-coronel Renato Lima, em 2012, foi inaugurado o primeiro Centro Integrado de Comunicação para a capital e Região Metropolitana. Hoje são 23 Cicoms, um na capital e 22 no interior. “O Baixo Sul conta com um Cicom que cobre 22 municípios, não apenas da região. Com isso, qualquer ligação de emergência da população é atendida imediatamente com o envio dos recursos de socorro, sejam dos bombeiros, das polícias Civil, Técnica ou Militar. Além disso, o órgão também possui 16 câmeras espalhadas pelo município de Valença, onde está localizada a sede do órgão”.


Os resultados do investimento se traduzem em números. “Na região do Baixo Sul, em 2019, nós tivemos aproximadamente 65,5 mil chamadas para o Cicom. Em 2020, esse número reduziu para 58 mil e, até setembro deste ano, estamos na casa dos 49 mil. Então, a gente pode inferir que as ocorrências estão em um patamar de estabilização ou redução, o que leva a perceber que a necessidade de socorro está reduzindo”, acrescenta o superintendente. Entre 2018 a 2020, foram entregues também à região oito veículos, com o investimento de cerca de R$ 800 mil, que reforçam a segurança e se refletem nos resultados.

Novas tecnologias


Ainda de acordo com o superintendente, mais 60 câmeras serão instaladas e conectadas ao Cicom do Baixo Sul. “As novas câmeras fazem parte de um investimento de cerca de R$ 1 bilhão. Com o projeto para a comunicação no interior, que hoje é 95% analógica, ela passa a ser 100% digital. Outro projeto está em via de finalização, que é a utilização de câmeras nas viaturas e de câmera corporal nos policiais. Então, a gente vai ter uma atividade muito mais qualificada em termos de prevenção e da eventual repressão policial que se faça necessária. Também serão beneficiados os trabalhos dos bombeiros e da Polícia Técnica, que se somam e se completam ao trabalho da segurança pública como um todo”, destaca o tenente-coronel Lima.





Repórter: Raul Rodrigues - Secom BA

Fotos: Secom BA

BANNER WEB - 728x90px - ESTADO SOLIDARIO.png
001.jpg
213273523_209526754388278_45482012108582523_n.jpg
67484017_2357855327663661_331651640815779840_n.jpg
Siga!
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social