top of page
BANNER WEB - 728x90px - ESTADO SOLIDARIO.png

Flica comemora 10 anos e abraça o Recôncavo com programação cultural inovadora


Foi dada a largada para um dos principais eventos literários do Brasil, a Festa Literária Internacional de Cachoeira, carinhosamente chamada de Flica, que este ano chega a sua 10ª edição. A Festa Literária reunirá, entre os dias 3 e 6 de novembro, grandes nomes da literatura local, nacional e internacional, além de trazer espaços temáticos - Geração Flica e a Tenda Paraguaçu, apresentações musicais e Casa do Governo, que terá atividades durante todos os dias.


Com o tema “Liberdade e Literatura Brasis”, a Flica 2022 conta com a curadoria coletiva de Camilla França, Edgard Abbehusen, Paulo Gabriel Soledad Nassif e Clara Amorim.


De acordo com o coordenador geral da Flica, Jomar Lima, o evento esse ano traz inúmeras expectativas, tanto a nível cultural e educacional, como a nível de impacto econômico para o município e o seu entorno, tendo em vista que há dois anos ele não era realizado por restrições da Pandemia da Covid-19.


"A 10° edição vem com várias novidades, começando pelos espaços maiores e mais confortáveis até os espaços temáticos como o "Reconversas" voltados a diálogos com autores cachoeiranos e do Recôncavo, o "Palco Ritmos, que vai levar toda a diversidade musical da região, entre outras novidades", destacou.


A secretária de Cultura do Estado, Arany Santana, destaca que o "Governo da Bahia mais uma vez cumpriu o seu papel, com a Cultura e a educação" patrocinando e contribuindo com a organização da Flica.


Ao longo dos quatro dias de festa, estão confirmados nomes como o do rapper MV Bill, das escritoras Cidinha Silva, Bárbara Carine e Carla Akotirene, dos escritores Ricardo Ishmael e Edgard Abbehusen, entre muitos outros. Também haverá apresentações teatrais e musicais, com Nelson Rufino, Ilê Aiyé, Filarmônicas Lyra Ceciliana, Orquestra Feminina do Recôncavo, entre outros.

Contação de histórias, brincadeiras, espetáculos e bate-papo fazem parte da programação do Fliquinha


Nomes como Ricardo Ishmael, As aventuras de Mike, Dandara na terra de Palmares, Lívia Góis, Sarauzinho da Calu, Janete Marques e Marcos Cajé estarão no espaço.

Assim como nas edições anteriores, o público infantil vai ter uma série de atividades especiais na 10ª Festa Literária Internacional de Cachoeira – FLICA. A Fliquinha tem lugar cativo no coração e na memória de todo mundo que já passou pelo evento. Com curadoria de Duca Clara, um monte de atividades imperdíveis marca a programação do espaço que estará aberto do dia 3 ao dia 5 de novembro.


As crianças e jovens da Fliquinha terão uma programação com diferentes estímulos. Na grade, leitura, teatro, contação de histórias, brincadeiras e bate-papo. A Flica é uma realização da Fundação Hansen Bahia em parceria com a empresa CALI com o patrocínio do Estado da Bahia, Bahiagás, e a LDM enquanto livraria oficial.


No dia 3 a programação será aberta às 9h20 com Finos Trapos em Respeite Os Meus Cabelos. O dia segue com Jamile Menezes que apresenta Cantos, Contos e Brincadeiras com mediação de Lorena Martins, Rita Queiroz que falará de Grimalda, A Lagartixa Empoderada com mediação de Lorena Martins, Joana Flores e Catrapissu com Lorena Ifé, Elaine Kriss mostra Lalá, Cadê Você? e finaliza com Paula Anais com Conto Para Kirimutê/Alenda Do Dendê.


O segundo dia de programação será aberto por Márcia Mendes com Maria Felipa, Força e Poesia. Lívia Góes fala sobre Obax. Marcos Cajé apresenta Themba, O Menino Rei e Deko Lipe, O Brincoder De Pepe, todos com mediação de Vanessa Thais. Jamile Teixeira apresenta A Hora do Recreio, Sarauzinho Da Calu com Cássia Vale e Cordéis Da Bicharada com Osmar Tolstói.


O último dia de Fliquinha será aberto com Rosilda Xavier, Marina Medeiros e Livia Góes que apresentam Karina e o Monstrinho Azul/ Makeba Vai À Escola mediado por Gisele Oliveira que também apresenta Aventuras do Mike e Dandara Na Terra Dos Palmares com Cia Arte Sintonia.


Marvin Pereira media as apresentações finais do espaço. A Borboletinha Não Quis Mais Ficar Na Cozinha/ Flora, Faça Florir será apresentado por Palmira Heine e Janete Marques, Ricardo Ishmael traz A Princesinha De Olho Preguiçoso e Ana Fátima e Geraldo Magnanimus trazem As Tranças De Minha Mãe/Show De Mágica. O espaço encerra com o espetáculo Ta-Ra-Ratimbandos.


Sobre a Flica Com primeira edição em 2011, há 10 anos a Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) se estabelece como um dos principais encontros literários do Brasil, tornando-se um local de reunião de multidões criativas de todas as origens. A festa nasceu e se afirmou no Recôncavo da Bahia, no município de Cachoeira, região estratégica para o entendimento do desenvolvimento socioeconômico e cultural do Brasil e pano de fundo para escritores como Gregório de Matos, Castro Alves, João Ubaldo Ribeiro e Jorge Amado. A Flica é uma realização da Fundação Hansen Bahia em parceria com a empresa CALI com o patrocínio da via Bahiagás, Estado da Bahia e a LDM enquanto livraria oficial.


Serviço

10ª edição Festa Literária Internacional de Cachoeira – FLICA

Quando: 03 a 06 de novembro (quinta-feira a domingo)

Aberto ao Público

Programação completa: www.flica.com.br




Fonte: Secult BA

Crédito da Foto Magali Moraes

Comentarios


Siga!
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
bottom of page