BANNER WEB - 728x90px - ESTADO SOLIDARIO.png

Bahia recebe reforços da Defesa Civil de Niterói para avaliação de áreas atingidas pelas chuvas


Mais seis colaboradores do município de Niterói, no Rio de Janeiro, chegaram nesta quarta-feira (05/01) a Ilhéus, no sul da Bahia, para atuarem no apoio às vítimas das fortes chuvas. O secretário de Defesa Civil de Niterói, tenente coronel bombeiro Walace Medeiros, veio acompanhado de dois engenheiros civis, dois geólogos e um geógrafo para inspecionar áreas de risco onde estão localizados imóveis que foram interditados. Os técnicos têm a missão de avaliar se há segurança para que as famílias retornem aos seus lares.


A equipe foi recebida pelo superintendente da Defesa Civil do Governo do Estado, coronel Miguel Filho. “Tivemos uma primeira fase mais agitada, de socorro, que envolveu muitos bombeiros. Agora, nesta fase, a Defesa Civil faz um trabalho junto com a população, avaliando as áreas atingidas, fazendo as vistorias. Para isso, hoje estamos recebendo esse reforço de Niterói, no Rio de Janeiro, que veio ajudar a cumprir esta missão. É um trabalho árduo, detalhista, para avaliar cada residência e definir se o imóvel pode ou não ser habitado. Junto com isso, vem o trabalho solicitado pelo governador Rui Costa, de levantamento dessas casas e imóveis, para que sejam devolvidos ou construídos novos, para as famílias que perderam tudo”.

O tenente coronel Walace Medeiros informa que a Defesa Civil de Niterói vem acompanhando, a partir do Rio de Janeiro, o que está acontecendo na Bahia. “Quero dar os parabéns a toda a estrutura de Defesa Civil, desde o governador, as estruturas estadual e municipais de Defesa Civil, as demais secretarias envolvidas nesse processo. Nossa equipe técnica é especializada na vistoria de encostas e edificações com riscos estruturais. A nossa intenção aqui é apoiar a Defesa Civil naquilo que for preciso, mas especificamente naquilo que se refere à avaliação de áreas afetadas pelas chuvas, para saber se estão seguras ou não para o retorno das famílias às suas casas”.





Fonte: Secom BA

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Siga!
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social