Festival apresentará diversidade turística e cultural da Baía de Todos-os-Santos

Salvador vai sediar, nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro, o Festival do Turismo Cultural da Baía de Todos-os-Santos. Realizado pela Secretaria do Turismo da Bahia (Setur), no Passeio Público, o evento apresentará atrativos de uma das principais zonas turísticas do estado e também fomentará a geração de negócios.


Com acesso gratuito, o festival terá sete áreas de convivência e propósitos diversos. Dentre os destaques estão a Tenda das Manifestações, onde grupos culturais farão apresentações – pequenas mostras que visam à divulgação das tradições e oferta de serviços para eventos e receptivo a turistas, etc.


A gastronomia típica também estará em evidência. A Cozinha BTS vai apresentar a culinária regional, degustada na praça de alimentação montada para a venda de diferentes quitutes que preservam a identidade baiana.


O Teatro Vila Velha receberá o Núcleo do Conhecimento, com palestras e debate de temas voltados para inovação em turismo, e o Espaço Conecte-se, onde empresários e fornecedores poderão trocar informações e fechar parcerias comerciais.

Foto/card divulgação

O Festival do Turismo Cultural da Baía de Todos-os-Santos é parte das ações do Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur Bahia), capitaneado pela Setur e financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Organizado em parceria com o consórcio GKS/DAVENTURA, o evento reunirá os 18 municípios da zona turística beneficiados pelas ações do Prodetur, que visa à ampliação do fluxo de visitantes e geração de empregos formais e incremento de renda na região.


Segundo o secretário do Turismo da Bahia, Fausto Franco, o festival é uma espécie de prova para os municípios e grupos produtivos de gastronomia, artesanato e manifestações culturais que participaram, durante mais de um ano, das qualificações do Prodetur, voltadas para a produção associada ao turismo (inserção de produtos e serviços locais na cadeia produtiva). “Vamos apresentar ao público final o nosso melhor e também oferecer contatos e oportunidades de negócios para os grupos produtivos da Baía de Todos-os-Santos”, explica Franco.


Confiram as sete áreas de convivência do Festival do Turismo Cultural da BTS:


- o Núcleo de Conhecimento, que traz palestrantes especialistas em diferentes temáticas relacionadas ao turismo cultural e náutico, além de redes de cooperação e gestão sustentável dos destinos turísticos;

- a Cozinha BTS, com a apresentação de receitas dos grupos produtivos ligados à Gastronomia;

- o Território BTS, com estandes voltados para a feira de comercialização dos grupos produtivos e da oferta turística nos municípios;

- a Tenda Manifestações, com a apresentação de expressões artísticas tradicionais da BTS;

- o Espaço Conecte, propício para o relacionamento comercial entre empresários, fornecedores e grupos produtivos dos municípios;

- o Quiosque Vivências, com oficinas de percussão e trançado de cabelo afro e outras manifestações culturais; e

- a Área de Alimentação, com a presença de foodtrucks e quiosques com comidas regionais.


Entre as atrações confirmadas no evento, estão:


Samba de Roda Esmola Cantada da Ladeira da Cadeia, de Cachoeira (Manifestação Cultural); Maravilhas do Quilombo, de Cachoeira (Gastronomia); Mulheres de Axé do Recôncavo, de Cachoeira (Artesanato); Quilombolas ARTH, de São Félix (Artesanato); Associação Cultural Filhos de Nagô, de São Félix (Manifestação Cultural); Frutos da Terra Quilombola, de Muritiba (Gastronomia); Associação de Artesãs Nossa Arte, de Santo Amaro (Artesanato); Associação Beneficente Ilê Axé Ojú Onirê, de Santo Amaro (Artesanato); ACARBO, de Santo Amaro (Manifestação Cultural); Maralegria, de Maragogipe (Manifestação Cultural); Sociedade Beneficente Ilê Alabaxé, de Maragogipe (Manifestação Cultural); Associação Cultural de Capoeira Mestres do Amanhã, de Nazaré (Manifestação Cultural); Casa de Farinha Roque Mario, de Nazaré (Gastronomia); Associação Cultural Os Guaranis, de Itaparica (Manifestação Cultural); Associação Sol Nascente, de Vera Cruz (Gastronomia); Associação de Arte e Cultura Quilombo Tereré, de Vera Cruz (Artesanato); ACBANTU, de Salvador (Artesanato); Vila Criativa, de Salvador (Artesanato); Botica Rhol, de Salvador (Artesanato); EbíWúrà, de Salvador (Artesanato); Ilê Axé Oxumarê - Casa de Oxumarê, de Salvador (Manifestação Cultural); Sociedade Recreativa e Cultural Afoxé Filhas de Gandhy, de Salvador (Manifestação Cultural); Coletivos das Artes, de Simões Filho (Artesanato); Quilombo de Dandá, de Simões Filho (Gastronomia); Associação dos Amigos do Ilê Axé Oya Tolá, de Candeias (Artesanato); ASTRAF - Associação de Trabalhadores Rurais e Agricultores Familiares, de Candeias (Gastronomia); Casa do Artesanato, de São Francisco do Conde (Artesanato); Grupo Produtivo Lindroamor Axé, de São Francisco do Conde (Artesanato); As Paparutas da Ilha do Paty, de São Francisco do Conde (Manifestação Cultural); Associação dos Artesãos de Saubara, Saubara (Artesanato); Chegança dos Marujos Fragata Brasileira, de Saubara (Manifestação Cultural); COOMAS - Cooperativa das Mariscadeiras das Salinas da Margarida, de Salinas da Margarida (Gastronomia); Casa das Mariscadeiras, de Salinas da Margarida (Gastronomia); Escola de Artesanato Naval, de Jaguaripe (Artesanato); AAMOM - Associação de Auxílio Mútuo dos Oleiros de Maragogipinho, de Aratuípe (Artesanato); Banana Palha, de Muniz Ferreira (Artesanato).


Fontes: Setur-BA e Sympla.com.br

Tags:

Posts Em Destaque
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2016 - Criado pela Agência Andrade Comunicação e Marketing 

Contate-nos: 75 9 91211904 | 75 9 98317900 | vanessa.cultura.bsul@gmail.com